22 de mai de 2018

Dos três amores, você foi o melhor

Esses dias eu li que na vida temos três amores significativos.

O primeiro é o amor utópico, podemos concretizar ou não. Esse amor é aquele que imaginamos a vida inteira, geralmente eles são o compilado de tudo que já vimos nos filmes e ouvimos nas músicas. É o nosso primeiro amor, o que nós trás as borboletas na barriga e mãos suando. Esse amor é inocente, podendo ser platônico ou não. Esse amor é aquele dos beijos em segredo, da primeira vez segurando a mão e de bilhetinhos dobrados. É o amor da roda gigante, da maçã do amor e dos ursinhos ganhados em jogos viciados. É o seu primeiro amor.

O segundo é o amor duro. Aquele amor que desgasta, que dói, que nos queima até virarmos cinzas ao vento. Esse amor nos faz deixar de ver as cores que antes nos encantava e tira o gosto de comida de mãe. Esse amor nos faz duvidar que somos bons o suficiente para alguém, que fala baixinho no ouvido 'ninguém mais vai te querer'. Esse amor pode até ter palavras bonitas, só que ao mesmo tempo em que as diz também te soca. Esse amor te leva a chorar tudo o que não chorou no primeiro, mas saiba que ele não fica para sempre.

O terceiro é o amor maduro, o que queremos desde sempre. É aquele que dá carinho, mas também puxa a orelha. É aquele que finalmente você pode enxergar no futuro. É o amor de gente grande que em certos momentos age como gente pequena. É amor sem joguinhos, sem desculpas. Amor que dura e faz crescer. É amor de domingo a domingo, do dia-a-dia, de toda a hora.

Eu tive os dois primeiros diversas vezes, e você foi o terceiro. Dos três amores, você foi o melhor. 

Você me fez acreditar que nada é arco-íris e unicórnios, mas que também nada é preto no branco. Você me mostrou todas as cores e me ensinou que eu tenho o poder de escolher quais eu quero usar. Você me ajudou a achar a minha melhor versão e abraçar toda e qualquer peculiaridade que eu tenho ou venha a ter.

14 comentários:

  1. Ai que texto mais fofo! Nunca tinha parado para pensar que temos "três amores significativos" e hoje vejo que já passei pelos 3 kkkkkkkk.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  2. que texto lindo, adorei essa ideia de ter um amor melhor

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Que coisa linda Tay. Valeu a pena passar por esses primeiros amores, para valorizar ainda mais esse último, né? <3

    ResponderExcluir
  4. Adorei esse texto muito incrível.
    Muito bom ter um amor ainda melhor.
    Beijos
    Jana Makes Esmaltes e Cia
    Instagram
    Facebook

    ResponderExcluir
  5. Que vontade de mandar esse texto pra alguém.... amei! Tenho a mesmissima sensação, o terceiro foi o meu primeiro de verdade!
    Um beijo,

    https://lesjoursdemarcela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Tay! Tudo bem?
    Incrível como esse texto se encaixou perfeitamente na minha vida.
    Adorei o modo como vc o escreveu.
    Obrigada por comentar no meu blog.
    Volte sempre!

    ~ miiistoquente

    ResponderExcluir
  7. Tenho para mim que o dois nunca foi amor de verdade, mas com certeza o amor maduro é o melhor ♥
    Charme-se

    ResponderExcluir
  8. Adorei o texto! Parabéns!

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Lindo o texto! Gostei muito e concordo com essa teoria dos amores :)

    http://www.biigthais.com

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  10. Apaixonada por esse texto. Acho que todo mundo já enfrentou esses três amores, né? Me identifiquei muito!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  11. Oie Tay =)

    Ah! O amor ... ele é algo tão simples e ao mesmo tempo tão complexo.
    O problema é que muitas vezes tentamos analisar e racionalizar o que sentimentos quando na verdade só precisávamos sentir.

    Belo texto!

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  12. Oi fico feliz por ter encontrado esse amor olha eu ainda estou procurando esse terceiro amor e não encontro.
    Xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir