Título: Outros jeitos de usar a boca
Autor:  Rupi Kaur
Editora: Planeta Brasil
Número de páginas: 208
Sinopse
Outros jeitos de usar a boca é um livro de poemas sobre a sobrevivência. Sobre a experiência de violência, o abuso, o amor, a perda e a feminilidade. O volume é dividido em quatro partes, e cada uma delas serve a um propósito diferente. Lida com um tipo diferente de dor. Cura uma mágoa diferente. Outros jeitos de usar a boca transporta o leitor por uma jornada pelos momentos mais amargos da vida e encontra uma maneira de tirar delicadeza deles. Publicado inicialmente de forma independente por Rupi Kaur, poeta, artista plástica e performer canadense nascida na Índia – e que também assina as ilustrações presentes neste volume –, o livro se tornou o maior fenômeno do gênero nos últimos anos nos Estados Unidos, com mais de 1 milhão de exemplares vendidos.


Hey gente, tudo bom com vocês?

Eu amo poesia. A poesia é a definição de sentimentos em palavras e sempre que eu leio alguma poesia eu me sinto viva. Hoje decidi falar sobre um livro que li recentemente e queria muito ler.

Outros Jeitos de Usar a Boca (Milk and Honey, 2015) foi escrito por Rupi Kaur. Rupi Kaur nasceu em Punjab, na Índia e mudou-se com seus pais para Toronto. Rupi tem 24 anos e é bem famosa no instagram por postar seus poemas, você pode não conhecer ela por nome, mais deve se lembrar do seguinte acontecimento: Uma foto de uma garota deitada na cama e na calça dela havia uma mancha de sangue menstrual, essa foto repercurtiu bastante e muita gente tinha opiniões divergentes sobre.


O Instagram acabou deletando a foto por diversas vezes dizendo que não seguia as diretrizes e então a Rupi disse "Obrigada Instagram por fornecer a resposta exata que meu trabalho foi criado para criticar. Vocês deletaram a minha foto duas vezes, afirmando que ia contra as diretrizes da comunidade. Eu não vou pedir desculpas por não alimentar o ego e orgulho de uma sociedade misógina que terá o meu corpo em uma roupa íntima, mas não está de acordo com um pequeno vazamento quando as suas páginas estão cheias de incontáveis fotos/contas onde mulheres (muitas menores de idade) são objetificadas, pornificadas e tratadas como menos que humanas." Depois disso o Instagram voltou a foto e se desculpou.

você tinha uma beleza tentadora
mas quando cheguei perto me feriu

Ela tem uma linguagem bem acessível e conseguimos ver algo que já aconteceu na nossa vida em pelo menos uma das poesia (olá corações partidos).

Outros jeitos de usar a boca  aborda os temas violência, abuso, amor, perda e feminilidade e é dividido em quatro capítulos: "A dor", "O Amor", "A Ruptura" e "A Cura" e em algumas páginas tem umas ilustrações com linhas simples.

Cada poesia você pensa 'isso me lembra alguém', todo mundo já se apaixonou por alguém que não era a mesma pessoa com todo mundo. As poesias são brutais e cruas.

toda vez que você
diz para sua filha
que grita com ela
por amor
você a ensina a confundir
raiva com carinho
o que parece uma boa ideia
até que ela cresce
confiando em homens violentos
porque eles são tão parecidos
com você
- aos pais que têm filhas

O livro é bem rapidinho de ler e eu indico a todos
Beijos

15 Comentários

  1. Gostei mesmo muito da sugestão Lola! Aprendo sempre imenso por aqui!
    THE PINK ELEPHANT SHOE // GANHA UM MEGA CABAZ DE VERÃO

    ResponderExcluir
  2. Olá Tayane, não conheço a autora nem ouvi falar desse livro.
    O título é convidativo. Aliás, o título é lindo.
    Mas eu não gosto de poemas, poesias.
    Não sei se raramento entendo. Só sei que não gosto.

    ResponderExcluir
  3. que interessante, ainda não conhecia!
    bjss

    http://www.julialisblog.com/

    ResponderExcluir
  4. Que legal esse livro!
    Ler é sempre bom, eu tenho vontade de ler livros em inglês para praticar. /vou tentar fazer isso!
    Beijinhos da Jacky.
    http://www.estilosaefeminina.com.br/
    https://www.youtube.com/jackytompson

    ResponderExcluir
  5. Oi Tayane, não sabia desse incidente dela com o instagram não, que coisa! O livro me pareceu ser lindo e sensível, adoraria ler. <3

    ResponderExcluir
  6. Pena mesmo! Fiquei decepcionada com aquele hidratante...

    Nossa, Tay! Outro dia fiz um teste pra saber qual livro deveria ler e deu esse. Tô curiosa!

    Ótima quinta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  7. Parece ser muito bom!
    bjs
    http://www.pinkbelezura.com/

    ResponderExcluir
  8. Eu me lembro da foto de uma menina deitada na cama com uma mancha de sangue na calça, mas não sabia que o instagram tinha deletado a foto. Ainda bem que eles viram o erro, já que não tem nada demais na foto.
    Pela sua resenha dá pra ver que o livro é ótimo e nos faz refletir.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  9. Parece interessante, gostei da arte interna e a capa original é linda!

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderExcluir
  10. Adoro livros de poesias apesar de ter lido poucos. Adorei conhecer ele, ainda não tinha ouvido falar.

    http://www.teoremademahlli.com.br

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia, mas vou tomar nota!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  12. Gente, que isso?! Como minha mente tá maldosa.. kkkk Serio! Quando li o texto imagenei... pronto, é um conto erótico, vou nem ler kkkkkkkkkk ... Dai resolvi continua lendo, e vi que minha mente foi em um lugar nada ver, o livro é totalmente ao contrário do que pensei, e confesso que já amei, e fiquei aqui louca pra ler... Gosto de livros assim, onde incentiva as pessoas usar a boca para falar, sem medo, sem receio.

    Daniele

    Dezesseis

    ResponderExcluir
  13. Como assim o insta apagou as fotos do livro dela...Porreta essa autora.
    bjs

    ResponderExcluir
  14. Oie Tay =)

    Não conhecia o livro, mas como adoro poemas e poesias fiquei bastante curiosa em conhecer a obra.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir