O elevador desceu. Não aquela caixa metálica que entramos nos prédios e sim o elevador da vida. O meu não desceu, despencou. Um choque intenso e um barulho que mal posso suportar. Me encontro cada e submersa em todas essas peças desconhecidas que a vida insiste em jogar sobre mim.
O ar é rarefeito e já não existe mais esperança. Vagando na caixa de lembranças, não encontro nada bom para me agarrar e que me faça prosseguir. Essa dor dilacera meu ser, destroe minha alma, corrompe meus sonhos e me faz duvidar. Já nem sei mais quem sou, o que quero, o que espero.
Me encontro só. Sempre achei que alguém fosse segurar minha mão, acariciar meus cabelos  conversar comigo até finalmente fechar os olhos.
Não há ninguém. Não há luz. Não há esperanças. Não adianta chorar ou gritar, isso só a faria chegar mais rápido e agora só resta esperar a morte como uma velha amiga.
Ando sumida daqui né?! mais tem acontecido tanta coisa, são provas, relacionamentos conturbados, falta de vontade... Mais logo mais vou deixar o blog totalmente atualizado e irei trazer novidades, beijos

8 Comentários

  1. O elevador da vida , que lindo, porem, que final meio perturbador hehehe.
    Eu convido você a responder uma tag (minha vida em um filme) que eu mesma criei! Pode ser em vídeo, post... Se você responder (eu adoraria ♥) passa o link pra mim que vou divulgar!
    Beijos, Lili ;3
    Clique e vá ao Princesa Teen

    ResponderExcluir
  2. Às vezes o meu elevador despenca assim também, mas a gente não pode esquecer é que, depois que chegamos ao fundo do poço, o único caminho é pra cima. Depois disso só há progresso ;)
    xoxo

    http://s2juuh.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Lola sua linda, eu estava longe do mundo ~blog~ e voltei essa semana.

    Estava com saudades do seu cantinho.!

    Beeeijos
    seja-sempre-doce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gosto muito do que você escreve e seu estilo literário me agrada bastante!
    O elevador despencou, mas sempre resta uma esperança.....
    a sabedoria e o discernimento vão lhe mostrar a saída!
    bjus
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa..que texto! :O
    Beijos,

    marinaalessandra.blogspot.com
    @mariinaale

    ResponderExcluir
  6. Gostei bastante do seu texto e acho que com esse fim meio inacabado ele deu bastante enfâse ao que retratava, o fim.
    Ótimo post.
    Beijos
    neversaynever-believe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. O elevador despencar....que horror!
    Volte amiga, estamos a sua espera e aguardando suas novidades!
    Bjus
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  8. O meu elevador... veja bem, raramente sobe, o que por um lado é bom porque sem grandes alturas a queda não é tão relevante.

    ResponderExcluir